Como você lida com o sentimento de desamparo?

Ao se dar conta do lugar que ocupamos na imensidão do universo, é bem capaz que nos sintamos insignificantes e desamparados. Logo ao nascermos, ao sair do confortável aconchego uterino, experimentamos a vulnerabilidade diante da hostilidade deste mundo para o qual viemos. Problemas não faltam. A segurança é mais um mito que realidade, as incertezas são muitas. A morte é certa. Você pode esconder esta realidade por debaixo do tapete e ocupar-se o tempo todo para desviar do assunto. Alguns vivem correndo atrás do dinheiro, outros da fama, da beleza, muitas maneiras para sentir-se importante. Mesmo assim, um dia a casa cai e você se dá conta que tudo isso não é de verdade. Você se dá conta da sua insignificância diante do cosmos. E aprende a conviver com esta realidade. É assim que fica humilde para viver com mais simplicidade. É assim que fica pronto para reconhecer o que realmente importa. É assim que aprende a viver com mais amor. Admite seu desamparo, suporta a dor do vazio e se fortalece para viver com sabedoria.
Sergio Savian – psicanalista especializado em relacionamentos
(agende uma consulta presencial ou à distância)

Tags: , , , ,