Convívio social

O amor como estado soberano: não há outro caminho para a humanidade

Posted by on 17 de julho de 2018 at 4:14 pm

O problema número um que vivemos é a falta de amor. As pessoas estão se relacionando como bárbaros, com intolerância, violência, autoritarismo, extremo egoísmo, sem perceber que somos todos um. Falta atenção, cuidado, gentileza. E tudo começa por você mesmo, pelo amor próprio, no bom sentido, na forma que cuida de si: do corpo, das [...]

Dá pra ser feliz com seu ritmo de vida?

Posted by on 28 de junho de 2018 at 11:42 am

Você acorda, nem sempre na hora que seu corpo quer, veste-se nem sempre com uma roupa confortável, enfrenta um trânsito agressivo para ir e voltar do trabalho ou os trens lotados do metrô, trabalha nem sempre naquilo que lhe dá satisfação, vê as notícias quase sempre desagradáveis, na melhor das hipóteses faz uma academia para [...]

Por que temos tanto medo de nos envolver?

Posted by on 31 de janeiro de 2018 at 10:22 am

Os relacionamentos estão cada vez mais superficiais. Estamos perdendo o contato com as raízes, com a natureza. A comunicação virtual substitui a conversação real. Mas, ao mesmo tempo, não cessa dentro de nós o sentimento generalizado de que está faltando algo – a intimidade. O sexo está muito fácil mas não nos leva ao aconchego [...]

Quer você queira ou não, a vida pede mudanças!

Posted by on 9 de janeiro de 2018 at 11:29 am

Tem gente que é avesso a qualquer possibilidade de mudança. Eu conheço muitas pessoas que fazem de tudo para não sair do lugar. Querem segurança total. Mas isso não existe. Quer você queira ou não, a vida pede mudanças! Na vida pessoal ou profissional, o tempo todo surgem novidades. E como você lida com o [...]

Na contramão da insensibilidade

Posted by on 26 de dezembro de 2017 at 10:32 am

Só agora vi o filme AQUARIUS, que me fez pensar sobre o passado e o presente, sobre a memória destruída pelos avanços tecnológicos. O cenário é a Recife, PE. Eu, que conheço muitas das cidades nordestinas desde a década de 70, vi sua transformação. Do que era artesanal e sublime , pouco sobrou. No lugar [...]

Não existem atalhos para o crescimento pessoal

Posted by on 29 de setembro de 2017 at 3:56 pm

Cada um de nós encontra-se em um ponto bem específico da evolução. Você pode até tentar alguns atalhos, desviando-se da rota, mas não dá certo. Mais cedo ou mais tarde seremos redirecionados para o aprendizado e o crescimento. Você fica doente, os negócios não dão certo, fica desempregado, o amor não fui. É assim que [...]

Cada um por si e todo mundo só

Posted by on 7 de setembro de 2017 at 1:08 pm

Uma cena patética com a qual nos acostumamos são pessoas totalmente focadas em seus aparelhos celulares, caminhando feito loucas, falando sozinhas, desconectadas do que está à sua frente. Qualquer pokemon é mais importante que os seres humanos ao seu lado. Estão presas ao buraco negro virtual que não permite estabelecer relações reais, cara a cara. [...]

Amadurecer é bem mais que ser obediente

Posted by on 5 de setembro de 2017 at 5:07 pm

Grande parte das pessoas vive para cumprir protocolos e não têm ideia de quem realmente são. Foram criadas para obedecer e o fazem sem nenhum senso crítico. Se todo mundo faz assim, eu também devo fazer. Se meus pais disseram, eu acredito. Se o especialista falou, está falado. E quando estão em dúvida, perguntam para [...]

Será que o mundo é dos espertos?

Posted by on 5 de setembro de 2017 at 2:06 am

Não há problema em defender seus próprios interesses, contanto que você olhe para o lado e entenda que convive com outras pessoas que merecem também sua atenção. A famosa frase “Cada um por si e Deus por todos” endossa a atitude de muitos que fazem qualquer negócio para levar vantagem, mesmo que esteja prejudicando os [...]

O que está por trás de uma mente preconceituosa?

Posted by on 24 de agosto de 2017 at 11:12 am

Quando você julga e avalia os outros de acordo com o que entende como certo e errado, pode ser que esteja escondendo a própria vulnerabilidade. O preconceituoso é narcisista. Ele pensa que o mundo deveria ser parecido com ele. Não admite a diversidade. Não admite as diferenças. Não reconhece que cada um é único, que [...]