Agradecer ou reclamar: não é tão simples assim!

Meu amigo me contou que está frequentando um lugar positivista onde as pessoas fazem afirmações, tipo: sou confiante, sou bom, sou feliz, agradeço, e não reclamo. Antes fosse assim! Você decreta que está tudo bem e tudo vai ficar bem! Penso que o buraco está mais em baixo. Não existem fórmulas fáceis para as transformações. Não se mudam comportamentos por decretos. Se você afirma que é pura luz, o que vai fazer com sua sombra? Escondê-la debaixo do tapete ou lá no fundo de sua psiquê, onde ela ganha força e um dia se manifesta com mais força ainda? Você perdoa alguém que te fez mal? Mas se não houver um questionamento profundo do que realmente aconteceu, o mesmo problema vai retornar, com certeza. Você afirma que deve agradecer e não reclamar, mas pode ser que desta forma tudo se acomode de uma maneira inconveniente e injusta. Então, não é só uma questão de afirmar coisas positivas, mas olhar para a vida com muita coragem e consciência para que as mudanças ocorram desde suas raízes. Enfim, não concordo com a ideia de dourar a pílula, não é tão simples assim!

Sergio Savian – psicanalista especializado em relacionamentos
(agende uma consulta presencial ou on line)

Tags: , , , , ,